segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Dia Nacional do Fusca – São Bernardo do Campo, SP


Para lá de 1.000!

Volkswagens clássicos lotaram o estacionamento de shopping center. Originais, modificados, curiosos. Havia de tudo um pouco

B
em mais de 1.000 Fuscas (isso mesmo!) e seus derivados prestigiaram a comemoração do Dia Nacional do Fusca, em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. Organizado pelo tradicional Fusca Clube do Brasil – SP, o evento aconteceu no último domingo, 21 de janeiro, no estacionamento do São Bernardo Plaza Shopping.




Democrático como o próprio modelo, o evento reuniu de tudo em termos de Volkswagen refrigerado a ar. Entre os modelos originais, destaque para alemães 1957 e 1959; o 1200 1966 vermelho Granada; o 1500 1970 azul Diamante; e o “Bizorrão” 1600S 1975 branco Lotus;


Já famoso nos eventos paulistas, o 1300 1974 verde Hippie apelidado de “Horácio” também esteve presente e claro, com o personagem da Turma da Mônica ao volante. Pertencente ao presidente do clube organizador — Ervin Moretti — o carro até já ganhou até o autógrafo do próprio Maurício de Souza.





O Herbie de “Se meu Fusca Falasse” (ele sempre aparece…); o cor de rosa com provocantes cílios e carnudos lábios à la “Penelope Charmosa”; e um verde limão com portas suicidas foram alguns dos modificados bem curiosos. Mas havia também os mais convencionais, como os Bajas, os “old school” e os “rat”, esses cada vez mais numerosos. 
Não faltaram também os bravos Fuscas de serviço: Telesp, Polícia, auto-escola e táxi. E entre as Kombis, também algumas nobres profissionais: ambulâncias e até mesmo uma “funcionária pública”, da Prefeitura local.
E os outros “parentes” também foram convidados para a festa, como Karmann Ghia, SP2, Variant, TL, Brasília, VW 1600 “Zé do Caixão” e Gol  — sim, ele já teve uma versão refrigerada a ar, lembra?

Qual o Fusca que rodou a maior distância? Foi um 1300 branco Polar. Ele partiu de Igarassu – Pernambuco, distante nada menos que 2.700 quilômetros de São Bernardo do Campo. Isso é que é vontade de comemorar!
O Dia Nacional do Fusca é celebrado desde 1989.
Fonte: News Atual - Portal de Notícias.
AMO FUSCA






domingo, 21 de janeiro de 2018

450. POINT DO MOTOCICLISTA

450. POINT DO MOTOCICLISTA
AVENIDA NAÇÕES UNIDAS COM RUA SALGADO FILHO
PRAÇA DO MOTOCICLISTA
20.01.2018
PORTO VELHO - RONDÔNIA

Olha aí a quantidade de realizações do nosso Point do Motociclista, grande evento, lugar para um bom bate papo dos apaixonados por motos. E como sempre o Point do Motociclista sempre fazendo novos amigos, desta vez é o Dudu PQD, que é do Rio de Janeiro, porém agora residindo em nossa cidade e já é parte integrante do nosso Point. Muito bom, legal. Veja as fotos deste encontro.






Olha aí, o Dudu PQD (camiseta preta), pela primeira vez visitando o nosso Point.


















DEUS NOS FALA

Evangelho de S. Marcos 1, 14-20

O início do Evangelho de Marcos diz que o tempo de Deus está próximo. Portanto, convida-nos a uma mudança tempestiva de vida. Não podemos ser sempre os mesmos. É urgente uma transformação no nosso modo de viver. Uma nova maneira de organizar a vida e, por que não, um novo modo de pensar Jesus e a manifestação de Deus. Vejam bem: quando nós esperamos alguém importante para nossa vida, fazemos sempre algo para nos preparar, mudando apectos rotineiros, cotidianos. Da mesma maneira, temos de agir com o nosso Deus. De fato, o evangelista nos diz que, no começo de sua vida pública, Jesus nos convida a reconhecer, humildemente, nossa situação de pobreza e carência interior para apostar na boa notícia de Deus. É Ela que nos dá alegria e vida. É entrando nessa lógica que poderemos compreender o quanto é importante conhecer todo o Evangelho. E conhecer não quer dizer simplesmente fazer até uma boa leitura, mas precisa fazer muito mais, que vai desde a compreensão do texto até a sua contemplação. O Evangelho não é uma leitura qualquer. Continuando, o evangelista nos conta a chamada dos primeiros discípulos. Nesse sentido, mostra como Jesus toma a iniciativa de chamá-los, na total gratuidade. E esta chamada é bem radical, porque eles deixam pai e trabalho. Isto significa largar a própria família e a profissão, e recomeçar tudo de novo, com novo modelo de vida. Isto é conversão. Eu me pergunto: como nós vivemos a nossa chamada de cristãos? Temos a coragem de viver a radicalidade da nossa condição de filhos e filhas de Deus? Além do mais, se tem uma chamada, tem que ter uma resposta. De fato, os discípulos logo seguiram o Mestre. Isto é, foram logo disponíveis a segui-Lo. Quer dizer que não podemos pensar em dar um tempo para pensar e avaliar se vale a pena fazer essa opção. Precisa urgente de uma nossa resposta. E o seguimento de Jesus leva o discípulo a aprender um novo conceito e prática de vida. Seguir é dinamicidade em transformar e viver a vida. Como consequência de tudo isso Jesus os propõe como “pescadores de homens”. Viver a vocação cristã tem sempre a característica de abertura aos outros. Não podemos ser cristãos sozinhos, mas temos que ir ao encontro dos outros. Isso inclui uma caminhada missionária onde Jesus é o centro de tudo. O discípulo, assim, torna-se fiel e submisso ao projeto do Mestre. É a nossa vocação que se diferencia das outras vocações profissionais da vida social. Concluindo: conversão, fé e seguimento fazem parte da mesma realidade. É o apelo dirigido ao ser humano para seguir Jesus que é tempo da boa notícia, isto é, Reino de Deus.

Fonte: Claudio Pighin -  Sacerdote, doutor em teologia, mestrado em missiologia e comunicação.

Opinião de Primeira - DECISÃO TOMADA: DANIEL VAI DIZER A CONFÚCIO MOURA QUE APOIARÁ GURGACZ AO GOVERNO

Falta ainda uma conversa definitiva. Deveria ter ocorrido há alguns dias, mas foi transferida porque o  Governador teve que mudar sua agenda na última hora, para comparecer ao funeral da filha do deputado Edson Martins. Mas o encontro vai acontecer neste sábado, também conhecido como amanhã. Confúcio Moura e Daniel Pereira vão sentar, olhar nos olhos um do outro e começar a definir os compromissos políticos daqui para a frente, planejando o futuro de ambos e do Estado. Quando o encontro terminar, se saberá se Confúcio Moura será mesmo candidato ao Senado e renunciará em 5 de abril, abrindo caminho para que Daniel assuma o governo por nove meses ou se o atual Governador fica onde está, não concorrendo a nada e sem que seu vice seja o sucessor ainda neste mandato. A tendência, a princípio, era de um grande acordo, que já estaria alinhavado. Mas declarações de Confúcio Moura, a uma TV de Ariquemes, podem mudar o quadro. Porque do que ele disse, Daniel aceita tranquilamente a metade. A outra, não topa. E é aí que a coisa pode complicar. O que Daniel Pereira dirá ao seu companheiro de mandato? Primeiro, que manterá toda a estrutura de governo, as metas, as realizações e os projetos. Mexerá muito pouco na equipe. Vai dizer que o governo de Confúcio é diferenciado para melhor e vencedor. E que ele, Daniel, apenas colocará suas digitais aqui e ali, mas, na essência, nada vai mudar. Essa parte da exigência de Confúcio ele topa. Já topou. O problema é a parte política. Na entrevista de Ariquemes, Confúcio afirmou que só deixará o governo caso Daniel se comprometa com o seu (dele, Confúcio) grupo político. Daniel, como líder partidário do PSB, não vai topar. O que ele prometerá ao Governador é que o nome de Confúcio Moura será apoiado na disputa ao Senado totalmente por ele e por seu partido. Mas o  PSB lançará um segundo nome, muito provavelmente o de Jesualdo Pires, o sempre elogiado prefeito de Ji-Paraná, para a outra vaga ao Senado. Ponto final. A partir daí, não tem mais acordo.

O que Daniel afirma é que ele e seu partido cumprirão um antigo  acordo político com o PDT e seu líder maior no Estado, o senador Acir Gurgacz e que será ele, Acir, o nome aliado dos socialistas para concorrer ao Palácio Rio Madeira/CPA, nas eleições deste ano. Numa conversa com amigos e parceiros, Daniel encheu a bola do presidente da Assembleia, Maurão de Carvalho, que é o candidato do MDB e de Confúcio ao Governo. Mas reafirmou: “acho Maurão um grande candidato, mas meu partido vai apoiar Acir Gurgacz”. Essa questão, segundo tem repetido o vice governador, não é negociável. Esperemos para ver...

VAI TER ACORDO OU NÃO?
Até agora, esse é o resumo da ópera. Caso Confúcio aceite o apoio incondicional de Daniel à sua candidatura ao Senado e se contentar com isso, estará tudo resolvido. Mas se o Governador bater pé na exigência de que seu vice teria que abrir mão de outros compromissos partidários, para apoiar os nomes do MDB, como deixou transparecer na conversa com o repórter da TV de Ariquemes, não vai dar acordo. O jogo político está andando. Neste final de semana saberemos, enfim, se Confúcio sai do governo para disputar o Senado; se Daniel assume o poder, até 31 de dezembro próximo ou se tudo fica como está. O funil em direção às eleições de outubro está com seu bocal cada vez mais estreito. Todos os partidos e candidatos se mexem. O caso Confúcio/Daniel é um dos mais emblemáticos. No início da próxima semana, já se saberá o que os dois poderosos da política rondoniense decidiram. Acordo ou não? Respostas em breve. 

HOMENAGENS À DONA SUZANA
Do jeito que está o Brasil, em breve a assassina dos pais Suzana Von Richthoffen será libertada, depois de cumprir menos da metade da sua pena de 39 anos e alguns meses. Já tem vários benefícios, mas sua liberdade é iminente. Os pais que ela matou, segundo a baderna jurídica que beneficia criminosos, poderiam ser convocados para cumprir o restante da pena no lugar dela, mas infelizmente não vão poder comparecer, por motivo de força maior. Ela poderá, em breve, ser convidada para uma novela da Globo, onde faria o papel de um transexual que se acasalará com um alienígena, sob o patrocínio da Coca Cola. Será lançada candidata por algum partido de esquerda, com apoio total dos defensores dos direitos dos bandidos, com a bandeira da defesa dos pobres coitados que, apenas por matar os pais, são obrigados a ficar um tempão na cadeia. Desfilará, como homenageada, por ter ajudado a manter o controle de natalidade (matou os pais e eles não poderão mais ter filhos, deu pra entender?), em alguma Escola de Samba do Rio e sua vida virará um filme, produzido com recursos da Lei Rouanet, onde poderá concorrer a um Oscar, representando o cinema brasileiro. É uma tristeza se pensar num país em que toda essa ironia corre o risco até de se tornar realidade. Lamentável!

BEM VINDOS, NOVOS VIZINHOS!
Decisão da justiça federal do Rio de Janeiro transfere para o presídio federal de Porto Velho, mais um daqueles criminosos que  faz parte do rol dos grandes inimigos da sociedade brasileira. E ele virá exatamente para encontrar-se com quem? Isso mesmo: com seu maior rival. Rogério Avelino da Silva, o Rogério 157, que aterrorizou  favelas do Rio de Janeiro, tentando tomar o poder que era de Antônio Bonfim Lopes, o Nem,,, esse outro bandidão já está numa cela do nosso Presídio Federal, vão se encontrar.  Agora, dois dos maiores rivais do crime, que certamente trarão para seu entorno parceiros e seguidores, como outros já o fizeram, estarão se confrontando dentro de uma cadeia considerada de segurança máxima, mas que pode, com essa decisão infeliz, se transformar num verdadeiro caldeirão. Ora, a decisão, que pode ter sido emanada de alguém que ainda acha que Porto Velho é capital de Roraima, deixa clara a não preocupação em manter, juntos, dois criminosos deste porte, que mesmo dentro da cadeia, continuam mandando no crime do lado de fora.  E que continuarão seus confrontos, seja no Rio de Janeiro, seja por aqui mesmo. É daqueles presentes gregos que enchem o saco da gente. Mas reclamar pra quem? Ninguém que nos representa protesta com veemência contra esses absurdos.


NAZIF E A MELHOR VOTAÇÃO

Ele voltou! Depois de longo tempo distante das ruas, o ex prefeito Mauro Nazif está de volta. Vai participar da eleição deste ano, concorrendo a uma vaga à Câmara Federal. O otimismo ronda ele e sua turma. O vice governador Daniel Pereira comentou, essa semana, que o partido não só quer eleger Nazif, mas o quer com a maior votação entre todos os candidatos a deputado federal, em outubro. Nazif teve passagens bastante vitoriosas pelo parlamento. Tanto na Assembleia como na Câmara, sempre teve atuação destacada. Seu problema foi com o Executivo. Eleito Prefeito de Porto Velho, depois de um mandato controvertido e abaixo de críticas, de apenas quatro anos, ele tentou a reeleição, mas sequer chegou ao segundo turno, ficando com uma votação muito aquém do esperado.  O PSB considera que a administração de Mauro Nazif foi bastante positiva e que sua história como parlamentar que seu partido considera diferenciada, podem levá-lo a uma eleição consagradora. Vamos ver se esse otimismo se confirmará nas urnas!

PT AINDA NÃO DECIDIU NADA
Marcos Pereira, membro do PT, é um nome quase desconhecido da porta para fora do partido, em Rondônia. Mas teria sido lançado como pré candidato ao Governo, há alguns meses. Só que a cúpula petista nunca confirmou oficialmente essa decisão. A tal ponto que o presidente regional, Lazinho da Fetagro, emitiu nota oficial contestado a indicação. Diz o texto, ao se referir diretamente ao assunto: “O Partido dos Trabalhadores não definiu e nem discutiu nenhum nome para representar a sigla nas eleições de outubro de 2018. A Executiva Estadual vem analisando o quadro político e discutindo com as bases do partido e no momento oportuno irá propor ao Diretório e a militância, a tática eleitoral a ser implementada em Rondônia pelo nosso partido”. Ou seja, qualquer indicação de nomes, seja para que cargo se quiser comentar, não tem ainda o aval do diretório estadual. Obviamente que, além do próprio Lazinho, o PT tem analisado candidaturas como as de Fátima Cleide, Roberto Sobrinho e Padre Ton, seus principais nomes hoje, no Estado. Mas, por enquanto, não há nada oficial sobre futuras candidaturas tanto ao Governo como ao Congresso ou à Assembleia.

SE NÃO É DITADURA, É  O QUE?
Como chamar um projeto de governo que acaba com a liberdade individual e com a liberdade religiosa;  que quer engessar a imprensa, ameaçando com  julgamentos sumários e penas duríssimas, a jornalista que escreverem contra os poderosos de plantão? Qual o nome que se daria a um governo que pretende ter o controle das empresas e as propriedades privadas? Pode-se chamar de democracia, um governo que pretende criminalizar as manifestações legítimas da população, a menos que elas lhes sejam favoráveis? Tem algum apelido, que não ditadura plena, a tentativa de criminalização da atuação dos médicos, dos caminhoneiros e que pretende até  controlar o deslocamento da população dentro do país? E isso é apenas uma pequena parcela das intenções do presidente da Bolívia, Evo Morales, em eternizar-se no poder e transformar seu país num estado socialista, onde só o governo tem razão, mexendo profundamente no Código Pena e na Constituição. Ora, se isso não é ditadura, o que é então? Qual o novo nome que se pode dar a isso tudo? Certamente que nem arremedo de democracia é. Respeita-se as opiniões em contrário, é claro, mas Don Evo está sim tentando transformar seu país no quintal de sua propriedade ideológica. É, claramente, tentativa de impor uma ditadura!

PERGUNTINHA
O que você achou das declarações da senadora Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT e do senador  Lindenberg Farias, de que a esquerda tem que radicalizar contra a Justiça e que se prender Lula, “vão ter que matar muita gente”?

Fonte: Jornalista Sérgio Pires / Porto Velho-RO.


VENDE-SE - Aparelho/telefone/celular

Estou vendendo uma aparelho de telefone celular, novinho, marca Blue, tenho até NF, com carregador e fone de ouvido. Muito prático e com preço muito bom, ou seja, somente R$ 80,00 (oitenta reais). Veja as fotos abaixo. Tratar com José Carlos, pelo fone  69- 9.9322-7848. Aproveite, preço "imperdível".




Lá no posto Ipiranga - domingo

Hoje o encontro domingueiro foi muito animado lá no posto Ipiranga. Pois de lá, saiu o famoso bate e volta dos Amigos motociclista, desta vez o destino foi Itapuã Do Oeste, mais uma vez, mas é bom, é legal. Veja a fotos dos Amigos motociclistas que participaram do tradicional BV, foto esta registrada pelas lentes do motociclista Pedro Pimentel, já em Itapuã. 





Fonte: C.I.I.B.C
Foto: Motociclista Pedro Pimentel